Dançando com a Bibi

Este programa pertence ao novo projeto de Bibi Fernandes. Para ter acesso a todas as informações sobre o programa, realizar inscrição e pagamento do mesmo, clique no link direto para o site do projeto.

Convido a que dancem comigo todos os sábados á tarde ás 17 horas, hora de Portugal, on-line no zoom.

Cada aula é diferente, mas todas elas convergem no mesmo convite: Dançar, celebrar e explorar estilos e danças de múltiplas culturas e tradições do planeta com o objetivo de ajudar o corpo a soltar, a fluir mais, a libertar a tensão, o excesso de energia, gerar vitalidade e sobretudo divertir e trazer bem estar fisico, emocional e mental! 

Clique no site para saber o tema da aula desta semana!

A quem se destina

A todas as pessoas, tanto homens como mulheres de todas as idades, que gostem de dançar!

Não é necessária qualquer experiência anterior em dança! Cada um dançará á sua maneira, de acordo com os seus limites e capacidades físicas!

Conceito

  • Nestas tardes de sábado vamos dançar, ritmos Latinos, Africanos, danças Irlandesas, Bollywood, Teatro Musical, Broadway, Swing, entre muitas outras! Vamos até utilizar adereços para dançar como por exemplo, uma cadeira, um chapéu ou uma bengala! Vamos dar asas à criatividade e criar novas experiências, permitirmos-nos explorar novos territórios com o nosso corpo e sem esquecer o mais importante, divertir! Os passos serão simples e de fácil captação, mas cada um dançará à sua medida, dentro das suas capacidades físicas e experiência!
  • Lembro que só nos podemos verdadeiramente divertir, se praticarmos a liberdade e a aceitação, sem procurarmos ser perfeitos, colocando o foco no Sentir e não no perfeccionismo da técnica do movimento!
  • A dança é a linguagem primária de toda a vida pois tudo é fluxo, movimento constante, assim que todos dançamos, quer tenhamos consciência disso ou não! Expressar as emoções através do corpo, dançando, é permitir colocar a energia em movimento e criar mais fluidez na nossa vida!
  • Cada corpo é um corpo, cada Ser é um Ser! Não é preciso ter o corpo perfeito para dançar, mas ajuda muito sim, dar-se a liberdade para se permitir dançar a sua própria dança! Quando atingimos essa liberdade, deixamos de Dançar, para nos tornarmos, a própria Dança!

Fica o convite!